4 de junho de 2008

Isopor agora também já pode ser reciclado...

Ao ouvir falar sobre os danos causados ao ambiente pelo descarte incorreto do poliestireno expandido (EPS), popularmente conhecido como isopor, muita gente até percebe que contribui com a degradação, mas não sabe como evitá-la. Afinal, o isopor está hoje associado a um número cada vez maior de hábitos de consumo: das bandejas de padarias e supermercados às embalagens de proteção e até peças da construção civil.

Segundo a Associação Brasileira do Poliestireno Expandido (Abrapex), foram produzidas 55 mil toneladas do material no Brasil em 2007 e outras 2 mil toneladas foram importadas junto a equipamentos eletrônicos e diferentes bens trazidos do exterior. Mas, ao contrário da crença espalhada no país, o EPS é totalmente reciclável e já existem algumas empresas no Brasil que o reutilizam.

O presidente da Abrapex, Albano Schmidt, conta que metade da produção nacional de isopor é usada na construção civil e fica incorporada à obra, mas o restante poderia ser transformado. "Não temos dados concretos sobre a quantidade de EPS reciclado, mas estimamos que somente 5 mil toneladas recebam o destino adequado", afirma.

O poliestireno expandido(EPS), ou isopor, é totalmente reciclável; algumas empresas já desenvolvem programas com esse fim. Continue lendo.

Um comentário:

CraqueBrito disse...

me chamo Edson dos Anjos, Represento e distribuo a Knauf-Isopor em Alagoas,e estoui com maquinario e intensão de reciclar o ispor no estado, ja que nunca foi feito, estou tendo apoio dos orgão de meio ambiente no estado, mas teno uma divulgação mais ampla pela midia local, sem seucesso, é acho que não da ibope, aqui se liga a tv e só se ve, canal evangelico pedindo doação e enganado o povo,noticia policial e futebol., dia 5/5/10 houve uma reportagem falando de meio ambiente na tv gazeta, entrei em contato no horario da noticia pra dar minha opinião, disseram que entrariam em contato, mas nada. infelizmente isso ainda acontece.
parabens pelo blog.